Jogo de xadrez – História, regras, curiosidades e ensinamentos

Hoje, existem inúmeros jogos de tabuleiros pelo mundo com o poder de fascinar, ensinar e divertir ao mesmo tempo. Sejam para crianças ou adultos, os jogos de tabuleiros ajudam a desenvolver a inteligência, o raciocínio e a memória. Porém, poucos podem estimular tanto a inteligência humana, quanto o jogo de xadrez.

É um jogo capaz de estimular a concentração, a percepção, astúcia, técnica e o raciocínio lógico. Por isso, o jogo de xadrez é considerado como um esporte competitivo jogado por dois participantes, representados por cores opostas, branco e preto, por exemplo.

O xadrez é um jogo composto por um tabuleiro dividido em 8 colunas e 8 linhas, resultando em 64 casas, por onde as peças se movimentam.

O jogo é formado por 8 peões, 2 torres, 2 bispos, 2 cavalos, uma rainha e um rei.  No entanto, cada peça de xadrez possui seus próprios movimentos e importância, sendo que o objetivo do jogo é capturar o rei do seu adversário dando xeque-mate.

História do jogo de xadrez

Imagem: Revista Zunai

Existem algumas teorias diferentes sobre a verdadeira origem do jogo de xadrez, entre elas, a primeira teoria diz que o jogo surgiu na Índia, no século VI. E que o jogo originalmente se chamava Shaturanga, que em sânscrito quer dizer, os quatro elementos de um exército.

O jogo fez tanto sucesso que se popularizou, chegando até a China e logo depois na Pérsia. Enquanto que no Brasil, o jogo chegou em 1500 juntamente com a chegada dos portugueses.

Já a outra teoria diz que o deus da guerra, Ares, foi quem criou o jogo de tabuleiro, com o objetivo de testar suas estratégias de guerra. Assim, cada peça do xadrez representava uma parte de seu exército. No entanto, quando Ares teve um filho com uma mortal, ele ensinou todos os fundamentos do jogo, e assim, o xadrez chegou até as mãos dos seres humanos.

Seja qual for à origem, o jogo de xadrez teve suas regras alteradas ao longo dos anos. E a forma como o conhecemos hoje, começou a ser feito apenas em 1475, porém, a origem exata ainda é desconhecida.

No entanto, de acordo com alguns historiadores, a origem do xadrez estaria entre a Espanha e a Itália. Atualmente, o xadrez é considerado mais do que um jogo de tabuleiro, desde 2001 é um jogo esportivo, que foi reconhecido pelo Comitê Olímpico Internacional.

Regras do jogo de xadrez

Imagem: Fábrica de ideias

O jogo de xadrez possui algumas regras que exigem bastante atenção, inicialmente, é necessário um tabuleiro composto por 64 casas com duas cores alternadas. Nessas casas, cada uma das 32 peças (16 brancas e 16 pretas), de duas dores opostas, se movimenta de formas diferentes, cada qual com sua importância. Sendo que o objetivo final do jogo é capturar o rei do seu adversário com um xeque-mate.

As movimentações das peças de xadrez são feitas de acordo com cada peça e sua determinada regra.

No caso dos peões, as movimentações são feitas de forma frontal, sendo que no primeiro movimento é permitido avançar duas casas a frente. No entanto, os movimentos seguintes são feitos uma casa por vez, já o ataque do peão é feito sempre pela diagonal.

As torres se movimentam sem limite de casas, podendo ir para frente e para trás ou para direita e esquerda (vertical e horizontal).

Já os cavalos se movimentam em um L, ou seja, sempre duas casas em um sentido e uma casa no sentido perpendicular àquele, sendo que o movimento é permitido para qualquer direção.

O movimento dos bispos também não possuem restrições quanto ao número de casas, podendo se movimentar várias casas de cada vez, mas, somente na diagonal.

A rainha e o rei

Imagem: Mega jogos

No entanto, a rainha tem livre movimentação sobre o tabuleiro, ou seja, pode se movimentar para qualquer direção, sem restrição quanto ao número de casas.

Já o rei, embora possa movimentar em qualquer direção do tabuleiro, sua movimentação se restringe a uma casa por vez. No entanto, o rei é a peça fundamental do jogo, quando capturado, o jogo é finalizado, pois o objetivo do jogo de xadrez foi alcançado.

Mas, até que o jogue termine estratégias bem elaboradas e movimentos especiais são usadas pelos participantes, o que faz o jogo ser bem intenso e fascinante.

Curiosidades sobre o jogo de xadrez

Imagem: Medium

Considerado como um dos jogos mais antigos do mundo, o xadrez é considerado um jogo bem complexo. De acordo com estudos, existem cerca de 170 setilhões de maneiras de se fazer os 10 primeiros movimentos em uma partida de xadrez. Logo após 4 lances, o número passa para 315 bilhões de maneiras possíveis.

A partida chega ao final assim que o rei do adversário é capturado, dizendo a clássica frase xeque-mate, que significa, o rei está morto. No entanto, a frase é de origem persa, shah mat.

Atualmente, o jogo de xadrez é considerado muito valioso, sendo que, no mercado mundial, é possível encontrar tabuleiros e peças revestidos com os mais variados tipos de materiais caros.

Por exemplo, um dos exemplares do jogo considerado o mais caros é feito de ouro sólido, platina, diamantes, safiras, rubis, esmeraldas, pérolas brancas e pérolas negras.  E o valor do jogo de xadrez pode chegar a custar cerca de 9 milhões de dólares.

No Brasil, o dia 17 de Agosto é comemorado o Dia Nacional do Livro de Xadrez.

Ensinamentos do jogo de xadrez que podem ser usados na vida

1- Concentração

Imagem: Tadany

O jogo de xadrez é um jogo que pode ser jogado por qualquer pessoa e em qualquer idade. De acordo com pesquisas, crianças que jogam xadrez conseguem ter uma melhora na nota escolar, cerca de 20%. Ao praticar, o jogo ajuda no combate ao déficit de atenção e hiperatividade e proporciona uma melhora na concentração.

2- Aproxima as pessoas

Imagem: Vetores

O xadrez vem evoluindo ao longo dos anos, hoje, é um jogo de tabuleiro que consegue unir pessoas de diferentes idades. E que juntos dividem suas experiências e sua paixão pelo jogo.

3- Aumenta a confiança

Imagem: JRM Coaching

Por ser um jogo onde apenas duas pessoas podem jogar você não tem ajuda de outra pessoa, como acontece em duplas e equipes. Portanto, cada decisão, cada jogada, cada estratégia depende exclusivamente de você.

Por isso, o jogo ajuda a desenvolver e aumentar a autoconfiança, ao aprender com suas vitórias e derrotas.

4- Desenvolve o raciocínio lógico

Imagem: Codebuddy

Ao jogar o jogo de xadrez, os dois lados do cérebro são exercitados, o que ajuda no desenvolvimento de novas capacidades.

Por exemplo, o raciocínio lógico, o reconhecimento de padrões, ajuda na tomada de decisões, resolução de problemas, aprimoramento da memória, criatividade e concentração.

5- Compreensão das consequências das ações

Imagem: IEV

Um dos ensinamentos do jogo de xadrez é que em determinados momentos, é necessário sacrificar uma determinada peça para ganhar a partida. Ou seja, na vida real, há momentos em que você deve abrir mão de certas coisas para que possa alcançar seus objetivos. Assim como no jogo de xadrez, na vida é necessário ter raciocínio e estratégias bem traçadas para realizar seus planos.

Se você gostou da matéria e interessou pelo jogo de tabuleiro, há muitos livros que ensinam as melhores estratégias para o xadrez, inclusive para iniciantes.

E para quem gosta de filmes sobre o assunto, na Netflix acabou de estrear a série O Gambito da Rainha, que conta a história de uma órfã prodígio no xadrez. Então, veja também: O Gambito da Rainha- História, curiosidades e além da ficção. 

Fontes: UOL, Brasil Escola, Catho

Imagens: Review box, Revista Zunai, Fábrica de ideias, Mega jogos, Medium, Tadany, Vetores, JRM Coaching, Codebuddy, IEV

Essa matéria Jogo de xadrez – História, regras, curiosidades e ensinamentos foi criada pelo site Segredos do Mundo.

Jogo de xadrez – História, regras, curiosidades e ensinamentos Publicado primeiro em https://segredosdomundo.r7.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s