Sem eira nem beira – Origem dessa famosa expressão brasileira

Você já se perguntou de onde surgiu a expressão popular, sem eira nem beira? Em suma, sua origem, assim como tantos outros ditados populares, é de um passado de segregação e preconceito. Ademais, é proveniente de Portugal e está relacionado a pessoas pobres, sem bens materiais que viviam de forma humilde. No entanto, a expressão também está relacionada a um estilo arquitetônico que era utilizado no Brasil Colônia, e que hoje fazem parte do patrimônio histórico e cultural do país.

Nessas construções coloniais, as casas possuíam uma espécie de extensão ondulada localizada abaixo do telhado, chamada de beira ou aba. No entanto, tinha como objetivo dar um toque decorativo e ao mesmo tempo, denunciar o nível socioeconômico do proprietário da construção.

Já a palavra eira, que significa um espaço de terra, seja batida, cimentada ou lajeada que fica próxima a casa. Dessa forma, era costume nas casas portuguesas usar essa terra para limpar e secar cereais depois da colheita, onde eram preparados para a alimentação e para serem armazenados.

Portanto, quando uma eira não tem beira, o vento pode levar os grãos expostos, deixando o proprietário sem nada. Dessa forma, quem possuísse uma eira era considerado como produtor, com terras, riquezas, bens. Ou seja, eram pessoas com alto padrão social. Então, enquanto os ricos tinham casas com telhados triplos com eira, beira, tribeira (parte mais alta do telhado). Com as pessoas mais pobres era diferente, já que não tinham condições de fazer esse tipo de telhado, construindo somente a tribeira. Dessa forma, surgia o ditado sem eira nem beira.

O que significa a expressão sem eira nem beira?

Pexels

A expressão popular sem eira nem beira veio de Portugal na época da colonização. Sendo que, a palavra eira vem do latim ‘area’ e significa um espaço de terra batida próxima a construção, dentro da propriedade. Ademais, é nessa terra que cereais e legumes são debulhados, trilhados, secos, limpos antes de serem armazenados. De acordo com o dicionário Houaiss, eira também quer dizer área onde se deposita sal em salinas.

Conheça Minas

Agora, beira ou beiral é um prolongamento do telhado que vai além das paredes externas. Ou seja, é como é chamada a aba das casas construídas na época colonial. Cujo objetivo é proteger a construção da chuva. Então, foi daí que surgiu a expressão popular sem eira nem beira, utilizada até os dias de hoje. Já que pessoas em situação de pobreza não tinham condições de construir casas com esse tipo de telhado. Ou seja, quem não tem eira nem beira não é dono de terra nem de casa, então, vive miseravelmente.

De acordo com estudiosos, a expressão se popularizou devido a sua rima, além de mostrar a condição cada vez mais crescente de pessoas em situação de pobreza.

Definição de padrão social

Blog Unicamps

Somente as famílias abastadas tinham condições de construir suas casas com os três acabamentos do telhado, que era a eira, beira e tribeira. No entanto, as casas populares eram construídas apenas com um dos acabamentos, a chamada tribeira. O que origem a expressão popular sem eira nem beira. Naquela época, os barões tratavam os mais pobres com desdém.

Na verdade, a discriminação chegava ao ponto de somente os ricos terem o privilégio de entrar nos templos religiosos. Ou seja, os pobres e principalmente os negros e escravos, não tinham permissão para contemplar a imagem de Jesus colocada no segundo andar e nem participarem da missa. Hoje, a arquitetura das cidades portuguesas ainda denunciam formas de segregação social e econômica.

Eira, beira e tribeira de acordo com a arquitetura

Viva Decora

Bom, já sabemos o que significa a expressão popular sem eira nem beira. Agora, vamos entender o significado do ponto de vista arquitetônico. Em suma, a eira, beira e tribeira são extensões do telhado, sendo que o que diferencia uma da outra é sua localização na cobertura da construção. Portanto, quanto maior o poder aquisitivo do proprietário, mais eiras ou camadas, ele incluía no telhado de sua casa. Ao contrário, as pessoas com menos posses, não tinham condições colocar muitas camadas no telhado, ficando somente com a tribeira.

Por fim, uma das principais características da eira, beira e tribeira são as ondulações, que traziam muito charme para as construções coloniais. Inclusive, esse tipo de construção ainda pode ser admirado em algumas cidades brasileiras. Por exemplo, Ouro Preto MG, Olinda PE, Salvador BA, São Luis MA, Cidade de Goiás GO, entre outras.

Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Pé-rapado – Origem e história por trás da expressão popular

Fontes: Terra, Só Português, Por Aqui, Viva Decora

Imagens: Lenach, Pexels, Blog Unicamps, Conheça Minas

Essa matéria Sem eira nem beira – Origem dessa famosa expressão brasileira foi criada pelo site Segredos do Mundo.

Sem eira nem beira – Origem dessa famosa expressão brasileira Publicado primeiro em https://segredosdomundo.r7.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s