Reação alérgica – O que pode causar e como tratar os sintomas

Uma reação alérgica pode ser causada por inúmeros fatores, como ácaros, pólen, pelos de animais, perfumes, picadas de insetos ou determinados alimentos. Dessa forma, pode provocar sintomas de alergia, como coceira, vermelhidão na pele, espirros, tosse, além de coceira no nariz, nos olhos ou na garganta, por exemplo. Mas, o que seria a reação alérgica? Em suma, reações alérgicas ou reações de hipersensibilidade são respostas exageradas do sistema imunológico a uma substância que normalmente é inofensiva.

Ademais, as reações alérgicas pode desencadear sintoma leves, moderados e graves. No caso de leve a moderada, muitas vezes podem ser evitadas tomando precauções. Por exemplo, evitando o contato com o que provoca a alergia, ou fazendo uso de antialérgicos. No entanto, caso os sintomas não melhorem ou piore após dois dias, é preciso procurar ajuda médica.

Agora, em casos de reação alérgica grave ou choque anafilático os sintomas são mais graves, como dificuldade de respirar, tonturas, inchaço na boca, língua ou na garganta. Portanto, nesses casos é muito importante procurar atendimento médico o mais rápido possível.

Tipos de reações alérgicas

Dr. Juliano Pimentel

A reação alérgica acontece quando o agente alérgeno entra em contato com a pele ou olhos ou quando inalado, ingerido ou injetado. Dessa forma, pode ocorrer diversos tipos de reações alérgicas, tais como:

  • Alergia sazonal – provocada pela exposição de substâncias como pólen, por exemplo.
  • Medicamentosa – provocada pela ingestão de medicamentos.
  • Alimentar – provocada pela ingestão de determinados alimentos, por exemplo, amendoim, camarão, etc.
  • Anafilática – provocada pela picada de insetos, por exemplo, a abelha.
  • Alergia durante o ano todo – provocada pela inalação de poeira, pelos de animais, fumaça, poluentes ou mofos, por exemplo.
  • Alergia pelo contato – provocada pelo toque em certas substâncias, como o látex.

Ademais, alguns fatores também podem ser responsáveis por contribuir para o desenvolvimento de alergias, por exemplo, fatores genéticos, ambientais, hereditariedade, alimentos, medicamentos, entre outros.

Sintomas da reação alérgica

1 – Espirros ou nariz entupido

Pneumo Center

Um dos sintomas mais comuns da reação alérgica são os espirros, nariz entupido e em alguns casos a presença de coriza. Nesse caso, pode ser causado por uma rinite alérgica, que é provocada pelo contato com poeira, mofo, ácaros, pólen, pelos de animais, etc. Também faz parte dos sintomas da rinite alérgica, coceira no nariz e nos olhos.

Dessa forma, lavar o nariz com soro fisiológico 0,9% pode ajudar a aliviar os sintomas, pois o soro elimina as secreções que deixam o nariz entupido. No entanto, caso os sintomas não melhorem, é necessário procurar um médico para que ele indique o tratamento adequado. Por exemplo, com sprays nasais de corticoides ou antialérgicos.

2 – Vermelhidão ou lacrimejamento nos olhos

Folha Vitória

Quando a reação alérgica provoca vermelhidão ou lacrimejamento nos olhos, a causa pode ser o contato com fungos, pólen ou grama. Pois são sintomas comuns de conjuntivite alérgica, além disso, pode causar inchaço ou coceira nos olhos.

Ademais, aplicar compressas frias nos olhos ajuda a reduzir os sintomas, assim como usar colírio antialérgico ou tomar antialérgicos, conforme orientação médica. Além disso, é importante evitar o contato com o que causa a alergia.

3 – Tosse ou falta de ar

Tua Saúde

A asma também provoca sintomas de alergia, que pode causar reações alérgicas como tosse ou falta de ar, e em alguns casos pode vir acompanhada de chiado no peito e catarro. Ademais, essa reação alérgica pode ser desencadeada quando a pessoa entra em contato com pólen, ácaros, pelos de animais, fumaça de cigarro, perfumes, entre outros. Além disso, é comum que pessoas com asma desenvolvam crise alérgica ao consumir medicamentos, como aspirina, anti-inflamatórios, ibuprofeno, por exemplo.

Nesse caso é recomendado fazer uma avaliação médica, pois reações alérgicas recorrentes, dependendo da gravidade, podem colocar a vida da pessoa em risco. Ademais, o tratamento envolve corticoides e bombinhas contendo remédio broncodilatador, que melhoram a oxigenação.

4 – Manchas vermelhas ou coceira na pele

Revista Abrale

Sintomas de alergia que causam coceira na pele ou manchas vermelhas na pele são reações alérgicas chamadas de urticárias, também podem causar ardência e queimação na pele. Ademais, elas podem aparecer em qualquer parte do corpo, tanto em adultos, quanto crianças. Que podem ser causadas por alergia a:

  • Nozes, amendoim, frutos do mar, etc.
  • Pólen ou plantas
  • Picada de insetos
  • Ácaro
  • Suor
  • Calor ou exposição ao sol
  • Antibióticos como amoxicilina
  • Material como o Látex (luvas ou garrote para fazer exame de sangue)

Para esse tipo de reação alérgica, o tratamento é feito com o uso de antialérgicos orais ou tópicos. Ademais, os sintomas costumam melhorar após dois dias de tratamento. No entanto, caso os sintomas não melhorem ou as manchas se espalhem pelo corpo, procure por orientação médica.

5 – Dor abdominal ou diarreia

Tua Saúde

Sintomas como diarreia ou dor abdominal, pode ser reação alérgica a alguns alimentos, como amendoim, camarão, peixes, leite, ovo, trigo ou soja, por exemplo. Geralmente, os sintomas começam logo que a pessoa faz contato com o alimento ou em alguns casos pode levar até duas horas após a ingestão do alimento. Além da diarreia ou dor abdominal, pode causar sintomas como inchaço na barriga, náuseas, vômito, coceira ou bolhas na pele e corrimento nasal.

No entanto, vale lembrar que alergia alimentar não é a mesma coisa que intolerância alimentar. Pois a reação alérgica é uma reação do sistema imunológico quando a pessoa consome determinado alimento. Enquanto que a intolerância alimentar é uma alteração de determina função do sistema digestivo. Por exemplo, a produção deficiente de enzimas que quebram as moléculas do leite, causando a intolerância à lactose.

Para esse tipo de alergia, o uso de antialérgicos pode ajudar a aliviar os sintomas, porém, é importante identificar qual o alimento provocou os sintomas e retirá-lo da dieta. No entanto, em casos mais graves pode acontecer da pessoa sofrer choque anafilático. Cujos sintomas envolvem formigamento, tontura, desmaio, falta de ar, coceira no corpo todo e inchaço na língua, boca ou garganta. Nesse caso, é importante procurar por atendimento médico o mais rápido possível.

Reação alérgica grave

Folha Vitória

A reação alérgica grave é conhecida como anafilaxia ou choque anafilático, cujos sintomas começam nos primeiros minutos após o contato com a substância alérgena. Ademais, esse tipo de reação alérgica tende a afetar todo o corpo causando inchaço e obstrução das vias respiratórias. Além disso, caso a pessoa não tenha atendimento médico rápido, os sintomas pode levar à morte. Os sintomas de anafilaxia podem incluir:

  • Inchaço na boca, na língua, garganta ou em todo o corpo
  • Dificuldade em engolir
  • Aceleração dos batimentos cardíacos
  • Tontura ou desmaio
  • Confusão
  • Sudorese
  • Pele fria
  • Coceira, vermelhidão ou formação de bolhas na pele
  • Convulsão
  • Dificuldade em respirar
  • Parada cardíaca

O que fazer quando em caso de reação alérgica grave

Revista Abrale

Primeiramente, a pessoa com reação alérgica grave deve ser atendida imediatamente, caso contrário pode ser fatal. Portanto, em caso de reação alérgica grave ligue para a emergência, então:

  • Verifique se a pessoa está respirando
  • Caso não esteja respirando, fazer massagem cardíaca e respiração boca a boca na vítima
  • Ajudar a pessoa a tomar ou injetar o medicamento de emergência contra alergia
  • Caso a pessoa esteja com dificuldade em respirar, não dê medicamentos orais
  • Coloque a pessoa deitada de barriga para cima
  • Cubra a pessoa com um casaco ou cobertor, desde que não haja nenhuma lesão na cabeça, pescoço, costas ou pernas

​​Ademais, é importante lembrar que se uma pessoa teve uma reação alérgica leve no primeiro contato a algum tipo de substância, caso seja exposto novamente pode desenvolver uma reação mais grave. Dessa forma, pessoas que costumam ter reações alérgicas mais graves, é recomendado andar sempre com um cartão ou uma pulseira de identificação. Contendo informações sobre o tipo de alergia que possui, além do contato de algum familiar.

Então, se você gostou dessa matéria, também vai gostar dessa: Picada de inseto – Como identificar? Sintomas, complicações e tratamento. 

Fontes: Tua Saúde, MSD Manuals

Imagens: Dr. Juliano Pimentel, Pneumo Center, Folha Vitória, Revista Abrale

Essa matéria Reação alérgica – O que pode causar e como tratar os sintomas foi criada pelo site Segredos do Mundo.

Reação alérgica – O que pode causar e como tratar os sintomas Publicado primeiro em https://segredosdomundo.r7.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s