Ártemis, quem é? História e curiosidades sobre a deusa da caça

Em primeiro lugar, Ártemis é a deusa grega da caça, mas também da Lua, da castidade, dos animais selvagens e até do parto. Nesse sentido, compõe o panteão dos deuses gregos. Por outro lado, apresenta uma representação romana, sendo chamada de Diana.

Além disso, essa deusa costuma ser representada pela imagem lunar. Em contrapartida, seu irmão Apolo representa o sol, sendo seu oposto complementar. No geral, os símbolo do arco e flecha representam Ártemis, devido sua relação com a caça e a natureza.

Ademais, tem como animal sagrado o urso e suas habilidades estão associadas à proteção dos animais selvagens e dos caçadores. Segundo a mitologia grega, Ártemis defendia a proteção dos animais, que só poderiam ser caçados a partir de uma série de rituais em respeito a eles.

Em outras palavras, a caça era tratada como um processo de adoração aos deuses e respeito à natureza na Grécia Antiga. Mais ainda, Ártemis recebia sacrifícios e rituais de homenagem antes de grandes caçadas, pois era pedido bênçãos e permissão para explorar as florestas.

Ártemis, quem é? História e curiosidades sobre a deusa da caça
Escultura de Ártemis – Fonte: Manhood Brasil

O mito de Ártemis

Em primeiro lugar, Ártemis é filha de Zeus e Leto, a deusa do anoitecer. Além disso, é irmã gêmea do deus do Sol, Apolo. Entretanto, a mitologia narra que ela nasceu um dia antes de Apolo e assumiu o papel de irmã mais velha, protegendo-o.

Geralmente, a figura dessa deusa está associada à castidade. Por essa perspectiva, existe uma lenda que conta sobre como Ártemis pediu a Zeus que nunca tivesse que se casar, podendo caminhar livremente nas florestas e caçar como quisesse.

Em resumo, esse pedido surgiu porque Ártemis temia ter que abandonar seus desejos pessoais se fosse obrigada a casar e construir uma família. Porque havia visto outras ninfas abdicando da vida na natureza, ela jurou nunca amar ou se relacionar com outro indivíduo.

Ártemis, quem é? História e curiosidades sobre a deusa da caça
Constelação de Órion – Fonte: Pinterest

Desse modo, Zeus concedeu seu desejo e a consagrou como a deusa da castidade, pois ela nunca se relacionou amorosamente. Entretanto, se aproximou de sentimentos amorosos em sua relação com Orion, um belo gigante com afeição pelas águas.

Segundo esse mito, Apolo teria se enciumado da amizade entre Ártemis e Orion. Sendo assim, em um dia que estava com sua irmã desafiou-a a acertar qualquer objeto flutuante na água. Porém, somente armou esse desafio porque havia identificado o gigante submerso na região em que eles estavam.

Além disso, Ártemis é conhecida pelo gênio forte, que não tolera ser contrariada e negar um desafio. Como consequência, acertou a flecha em cheio na cabeça de Orion, mas sem saber que se tratava de seu amigo. Após a morte do gigante, Ártemis chorou por dias e noites, transformando-o na conhecida constelação de Órion.

Ilustração da deusa da caça para explicação do item
Fonte: Cena

Habilidades e poderes

Basicamente, Ártemis tem as mesmas habilidades que seu irmão gêmeo Apolo. Nesse sentido, consegue curar pragas e ferimentos, mas também enviá-las aos homens como maldição. Em especial, faz isso com aqueles que desrespeitavam a natureza ou destratavam os animais.

Além disso, é uma exímia caçadora, com habilidade de pontaria inigualável. Por essa perspectiva, é conhecida por ter a flecha certeira, que matava qualquer um que tocasse. Desse modo, vale ressaltar que Ártemis era impaciente, autoritária e detestava ser contrariada.

Como consequência, existem lendas e mitos que a colocam em diversos conflitos, incluindo a Guerra de Troia. Entretanto, quando não matava um indivíduo, Ártemis podia transformá-lo em animal pelo tempo que bem entendesse.

Fotografia do Templo para explicação do item
Reprodução do templo de Ártemis – Fonte: EducaMais Brasil

Templo de Ártemis e outras curiosidades

Em primeiro lugar, o culto de Ártemis na Grécia Antiga motivou a criação do Templo de Ártemis. Além de ser uma importante construção da fé grega, esse templo é reconhecido como uma das Sete Maravilhas do Mundo Antigo. Sendo assim, está localizado na antiga cidade de Éfeso, o que hoje é o centro da Turquia.

Comumente, essa figura mitológica é adorada por meninas e jovens solteiras, pois existem mitos que a apresentam como padroeira das jovens mulheres. No geral, a deusa da caça auxiliava na transição entre as fases da vida, ainda assegurando a fertilidade para mulheres que se casavam. Por outro lado, também existem lendas que a colocam como protetora das mulheres durante o parto.

Por fim, Ártemis tinha uma afeição pela música, pela poesia e por oráculos, o que parece ter relação com sua característica lunar. Desse modo, ficou conhecida como padroeira dos artistas, que cultuavam sua imagem para encontrar claridade e inspiração na hora de criar suas obras.

E aí, gostou de conhecer sobre Ártemis? Então leia Caim e Abel, quem foram? Primeiro assassinato da humanidade

Fontes: Toda Matéria | Mitologia Grega BR | Hipercultura | Educa Mais Brasil | InfoEscola

Imagens: Hipercultura | Educa Mais Brasil | Manhood Brasil | Cena | Pinterest

Essa matéria Ártemis, quem é? História e curiosidades sobre a deusa da caça foi criada pelo site Segredos do Mundo.

Ártemis, quem é? História e curiosidades sobre a deusa da caça Publicado primeiro em https://segredosdomundo.r7.com/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s